Sorting by

×
  • Sex. Mai 20th, 2022

BIBLIOTECA DA MEALHADA APOSTA NA PROXIMIDADE, COM PLANO DE ATIVIDADES AMBICIOSO E DESCENTRALIZADO

BIBLIOTECA DA MEALHADA APOSTA NA PROXIMIDADE,

COM PLANO DE ATIVIDADES AMBICIOSO E DESCENTRALIZADO

 

A Biblioteca Municipal da Mealhada dá início a uma nova fase de intensa atividade, que inclui encontros com escritores, ateliês, feira do livro, a dinamização de um clube de leitura, bem como novas rubricas como os serões de contos. O objetivo passa por criar mais oferta, com propostas transversais às diversas faixas etárias, e por levar a Biblioteca à comunidade, com diversas iniciativas descentralizadas.

 

A nova programação, apresentada esta manhã no auditório da Biblioteca, contempla novas iniciativas temáticas, como o Clube de Leitura “Letra Grande”, dirigido ao público adulto com o objetivo de fomentar o gosto pela leitura, os Contos com Sotaque, que se traduz na dinamização de momentos de leitura com diferentes sotaques integrando comunidades de imigrantes, ou os serões de contos “Sextas com estórias e memórias”, sessões de contadores de histórias a desenvolver mensalmente nas aldeias, mantendo viva a tradição oral e perpetuando as histórias na memória de quem as ouve.

Haverá ainda, de forma regular, encontros com escritores, com o título Palavra de Escritor, e regressam os projetos da BiblioMealhada, o autocarro biblioteca que percorre o município, “Livros em viagem”, para escolas e jardins de infância, e “Abraços da Biblioteca Municipal”, este direcionado à população de lares e centros de dia, projetos que haviam sido interrompidos por força da pandemia.

Segundo Gil Ferreira, vereador da Cultura da Câmara Municipal da Mealhada, nesta nova etapa procura-se que a “Biblioteca se afirme como um lugar de vida em torno do livro e da leitura, onde os munícipes sejam elementos ativos. Um espaço dinâmico e participado, de debate e de criação”, sublinha.

As atividades começam já a partir de 28 de março, com a Semana da Leitura, na qual se destaca o Encontro com o escritor David Machado, a 31 de março, na Escola Secundária da Mealhada e no Cineteatro Messias.

O Dia Internacional do Livro Infantil, que se assinala a 2 de abril, será comemorado com diversas atividades, nomeadamente um ateliê de ilustração, dinamizado por Sandra Serra, e a feira do livro infantil “Mercadinho de Palavras”. Ainda em abril, destaca-se o programa “Livros em festa”, dia 23, que inclui atividades dentro e fora de portas, na Biblioteca, mas também no Jardim Municipal, no Luso, na Pampilhosa e em Ventosa do Bairro. As iniciativas vão desde um festival de curtas a histórias encenadas ou oficinas diversas, de dança ou ambiente. (Ver programa)

“A promoção da leitura e do livro é um dos eixos de ação e uma prioridade fortíssima deste Executivo, no que se refere à Educação e à Cultura. Consideramos que o livro e a leitura são essenciais para a formação da cidadania, para a capacitação individual e para o desenvolvimento de uma comunidade mais crítica, mais exigente e mais conhecedora. Não temos quaisquer dúvidas de que uma comunidade será tão mais desenvolvida e preparada quanto mais próxima for a sua relação com o livro”, referiu Gil Ferreira.

 

Programa

Semana da Leitura l 28 março a 02 abril

No âmbito da comemoração da Semana da Leitura proposta pelo Plano Nacional de Leitura, a Biblioteca Municipal de Mealhada e as Bibliotecas Escolares organizam, em conjunto, um programa de atividades para festejar o livro e a leitura como ato de prazer, de imaginação e de conhecimento, lugar de encontro, criativo e colaborativo.

 

Entrega Prémios Concurso Nacional de Leitura – Fase Municipal l 28 março – 18h30

 

Clube de Leitura “Letra GRANDE” l 30 março – 18h30>20h

O Clube de Leitura “Letra GRANDE” é uma iniciativa da Biblioteca Municipal destinada a promover e a fomentar o interesse do público adulto pela leitura e pelo livro. Consiste na realização de reuniões regulares entre leitores para conversarem sobre as suas experiências de leitura. A participação nesta atividade é gratuita e aberta a todas as pessoas que queiram partilhar as suas experiências literárias e expressar livremente a sua opinião sobre o tema, autor ou obra escolhidos previamente para cada sessão.

Moderado por: Dr.ª Clara Pires

 

Encontro com o escritor David Machado l 31 março l Cineteatro Messias l Escola Secundária da Mealhada

 

Dia Internacional do Livro Infantil l 2 abril

14h-17h l Ateliê de Ilustração, com Sandra Serra

No âmbito das comemorações do “Dia Internacional do Livro Infantil”, a Biblioteca Municipal irá brindar os leitores mais jovens com um atelier de ilustração, dinamizado pela ilustradora Sandra Serra.

Desde 2004, a ilustradora Sandra Serra dedica-se exclusivamente à ilustração infantil, colaborando com várias editoras, agências e autores, dedicados à literatura infanto-juvenil. Tem trabalhos publicados não só em Portugal mas também em outros países como França, Espanha, Itália, Turquia, Angola, Moçambique, Brasil e USA.

 

Toda a semana l 10h-18h

Mercadinho de Palavras

Feira do Livro Infantil

Biblioteca Municipal da Mealhada

Promoção do livro e da leitura

Biblioteca e nas Escolas sem Biblioteca Escolar

 

Dia Internacional dos Monumentos e Sítios (18 abril) l 9 abril a 29 maio

A Biblioteca Municipal irá associar-se à celebração do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, com a história “Bussaco: monte de histórias”.

Esta obra permite explorar o “monte de histórias” que, ao longo dos anos, este bosque tem guardado dentro dos seus muros e descobrir a relação entre o património e a natureza. Numa recriação da mata, utilizando um meio lúdico, estético e tátil como cenário, procuramos despertar o imaginário das crianças (e sensibilizá-las para a história local).

 

Contos com Sotaque – 3ª segunda-feira de cada mês l 18 abril – 17h30

Atividade de dinamização do livro e da leitura em que a Biblioteca municipal pretende criar momentos de leitura e partilha de livros em diferentes línguas.

Numa parceria com o CLAIM vamos proporcionar o prazer de ler e escutar leituras em diferentes sotaques.

 

Livros em festa l 23 abril

Biblioteca Municipal de Mealhada

10h-17h – Exposição de Diários de Viagem | Urban Scketcher Paula Brito

14h30-17h – Festival de Curtas |EPVL

 

Jardim Municipal da Mealhada

10h-17h

– Feira do Livro Novo

– Feira dos Alfarrabistas

– Bibliomealhada

– Exposição Benefícios da Leitura | EPVL

– Recolha de Livros Usados | EPVL

– Nós e a alimentação | EPVL

 

10h-11h e 12h30-14h30 – Atividades de expressão plástica

11h-11h30 – História encenada “Uma história do Faroeste” – Inês Duarte

14h30-17h – Histórias com Arte |EPVL

15h-15h45 – Atuação Musical | Violino por Jacinto Neves

15h-17h – Oficina de folhas recicladas |EPVL

16h30-17h – Academia Dança Jazz | HCM

 

Luso – Largo do Casino

11h-12h – Mesa Redonda “O desinteresse das comunidades pela leitura” com transmissão em direto para a RCP-FM.

 

Pampilhosa – Ponto de encontro

14h30-17h – Rota dos Escritores: Agustina e Saramago, caminhos de reParar

 

Ventosa do Bairro – Parque dos Namorados

16h-17h – Foliar livros em terras de leitão e espumante

 

Clube de Leitura “Letra Grande” l 27 abril – 18h30-20h

 

Palavra de Autor – ciclo de conversas com escritores l 30 abril – 14h30

A Biblioteca Municipal, enquanto lugar de encontro com o prazer de ler e espaço de dinamização cultural, tem o orgulho de proporcionar aos seus leitores um momento de aproximação e de convívio com o escritor Pedro Chagas Freitas.

 

Conto(s) Contigo l 2 maio – 17h30

 

“A viola toeira: artes de fazer e tocar” l 3 a 28 maio

Uma exposição que remete para um conjunto de memórias que permitem conhecer a história deste instrumento e suas particularidades, quer ao nível da construção quer da sua execução musical. A viola toeira é um instrumento tradicional português, com cordas de arame, que chegou a ter grande importância na região das Beiras.

A exposição tem a possibilidade de vir com um documentário integrado, o que faz aumentar o interesse de quem a visita, uma vez que ganha dimensão audiovisual.

 

“Sextas com estórias e memórias” l Serões de contos l 6 maio – 21h

Sessões com contadores de histórias a desenvolver, de forma descentralizada, mensalmente, nas diversas aldeias do concelho, em locais emblemáticos, de forma a manter viva a tradição oral e perpetuar as histórias na memória de quem as ouve. Envolvimento da população local participando das sessões partilhando testemunhos/histórias das tradições locais.

 

Contos com Sotaque l 16 maio l 17h30

 

Clube de Leitura “Letra Grande” l 25 maio – 18h30-20h

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.